domingo, 30 de agosto de 2015

Névoa sedutora


Singro,  inebriada e errante,
oscilando o rumo do meu navegar...
Acena-me uma bruma fascinante,
confundindo a direção do meu olhar.
Mas não estou à deriva, só encantada,
não estou à deriva, só impregnada
pelo perfume desta névoa do mar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário