sábado, 1 de novembro de 2014

Grades no sentimento

Por que há coração que disfarça
o que no fundo sente
e se faz prisioneiro do sentimento?
Por que tanta farsa descontente
e o tempo inteiro de sofrimento,
com grades, com prisão? 
Se amor é asas ao vento,
se amor é libertação...

Nenhum comentário:

Postar um comentário